COVID-19

SUSPENSÃO DE TODAS AS ATIVIDADES LETIVAS E NÃO LETIVAS PRESENCIAIS NA EPRIN A PARTIR DA PRÓXIMA SEGUNDA-FEIRA DIA 16 DE MARÇO.

A EPRIN, até informações em contrário, encontra-se em serviços mínimos. Os serviços mínimos serão garantidos por dois colaboradores no horário compreendido entre as 09h00m e as 13h00m e as 14h00m e as 17h00m. Não existirá nenhum tipo de contacto pessoal pelo que qualquer solicitação deverá ser feita através do Telefone (+351)-277-202-533 ou para o Email secretaria@eprin.net.


Atendendo a que estamos em presença de uma interrupção das atividades letivas presenciais e não de qualquer prolongamento de férias escolares, o Ministério da Educação entende que se deve dar continuidade às atividades recorrendo a mecanismos a que simplificadamente poderemos chamar de formação a distância.
As atuais medidas têm como horizonte o dia 9 de abril, mas não podemos deixar de equacionar a possibilidade de não ser suficiente, o que significa que se deve considerar o cenário de continuidade no decurso do terceiro período. Importa que se tenha em conta que a suspensão das atividades letivas nas escolas, em geral, e nas escolas profissionais, em especial, não resolve, só por si, a necessidade de conter a propagação do vírus, pois, está provado que as escolas não são, até agora, os principais focos de disseminação.

Face à situação atual informamos toda a comunidade escolar de que o fim das atividades letivas a partir de segunda-feira não significa que não possam e devam continuar a estudar e a cumprir o plano de estudos, até ao início da regular interrupção das atividades letivas, decorrente das chamadas férias da Páscoa.
Assim, a escola tudo fará no sentido de disponibilizar aos alunos os conteúdos dos módulos e respetivos exercícios práticos, através da página da escola, dos emails escolares de cada aluno e de outras ferramentas digitais em uso, nomeadamente a plataforma Classroom, de forma a que os professores possam monitorar a atividade dos alunos, esclarecer dúvidas e propor novas formas de aquisição de conhecimentos.
A Direção da EPRIN, tal como aconteceu nos últimos tempos em que se adivinhava a superveniência de uma pandemia, vai continuar a acompanhar o evoluir desta situação de crise de saúde pública esperando que este flagelo se debele no mais curto prazo possível.